Tags

, ,

Esse projeto teve início com a seguinte história:

Adriele Camacho de Almeida, de 16 anos, foi assassinada em Itarumã, Goiás por ter um relacionamento amoroso com a filha de um fazendeiro da redondeza. Os fatos apontam que foi o pai da namorada de Adriele, quem cometeu o crime, pois ele nunca foi a favor do namoro das meninas. O fazendeiro está sendo preso por HOMOFOBIA, o mal do século XXI.

Indignada com a crueldade homofóbica do fazendeiro, encontrei o blog do  Projeto Eu Sou Gay que “luta contra o ódio, intolerância e qualquer tipo de preconceito e a favor do Amor”, como diz a Sarah no vídeo.

Apoio esta causa!

Divulgue e envie uma foto com a tag #EUSOUGAY, mostre sua indignação pelo fato e assuma uma posição contra a homofobia e qualquer tipo de preconceito.

Anúncios